Segunda-feira, 4 de Maio de 2009
A preto e branco.

Baía de Chesapeake, em 1936. Numa região dominada pela indústria das ostras, há alturas em que o Inverno não permite brincadeiras, pelo menos aos mais crescidos e aos seus barcos. A Baía de Chesapeake abrange 6 estados dos E.U.A., entre eles Nova Iorque, Pennsylvania, Delaware, Maryland, Virginia e West Virginia. Foto da autoria de Bodine.



publicado por cachinare às 08:54
link do post | comentar | favorito

2 comentários:
De Anónimo a 5 de Maio de 2009 às 16:23
Magnífica foto!
Com estes gelos das amarras, ainda a gente podia.
Pior, era quando nos levantavamos às 4 horas da madrugada e dali a um bocado tínhamos de ir para o guincho arriar os Doris , e os cabos dos teks " estavam cheios de gêlo , o qual, aos poucos e poucos, se ia depositando nas nossas luvas de lã, encharcando-as, e regelando as mãos.
Para além da "poesia" de alguns, também era isto a pesca do bacalhau, nos mares da Terra Nova e Groenlândia nos longínquos anos cinquenta.
Agruras da vida.
Mas como recordar é viver,...é bom para não esquecer.

Albino Gomes


De jaime pontes a 5 de Maio de 2009 às 22:37
Pois a verdade é que a vida éra dura prá todos ,mas ém espeçial para o pescador por tudo e mais alguma coisa .O moço de convés éra logo a seguir ,porque enquanto o pescador pescava o moço de convés tinha que deixar as panas safas de sal e não só trabalho não faltava ,na escala acompanhavam com os trabalhos de limpesa e sempre havia que fazer ,e as vezes com mais e menos frio logo pela manhã éra de arrepiar ,mas não me lembro de ver tanto gelo assim pelas correntes ou tanto pelos teques mas que quando éra para içar vélas ém espeçial de prinçipio quando se navegava rumo a Groenlandia aí sim éra de morrer com ventos frescos e ém espeçial pela madrugada ,Deus temeu a noite como se dizia ém giria ,depois os senós e as neves contra a cara e tudo rudimentar e tudo se aguentava ...Comprimentos amigo Bino e continuação ao blog do amigo Fangueiro ...J.Pião


Comentar post

mais sobre mim
subscrever feeds
últ. comentários
Esta bela foto retrata bem o que eram os tempos an...
Mais de um ano depois, volto aqui (ao blog), e li ...
é de facto interessante, mas .... o que caracteriz...
Conforme já referi algures, no próximo Sábado, 23 ...
Na verdade, típico é os nossos vizinhos da Póvoa ...
Belo quadro pintado ,dois botes um a vela e outro ...
Outros tempos ,diria mesmo meus tempos de rapaz ,o...
Pois ,nesse estado bem bebido até a sua sombra ele...
Ver está foto, salta-me muitas saudades de ouvir m...
Pescador da Nazaré ,homem do antigamente ,com traj...

culturmar

tags

a nova fanequeira de vila chã

ala-arriba

alan villiers

apresentação

aquele portugal

argus

arte marítima

bacalhoeiros canadianos-americanos

bacalhoeiros estrangeiros

bacalhoeiros portugueses

barcos tradicionais

caxinas

cultura costeira

diversos

fotos soltas

galiza

jornal mare - matosinhos

memórias

modelismo naval

multimédia

museus do mar

pesca portuguesa

póvoa de varzim

relatos da lancha poveira "fé em deus"

santa maria manuela

veleiros

vila do conde

todas as tags

Vídeos
links
arquivos