Sexta-feira, 19 de Junho de 2009
Madalena tem 10.000 moradores e deseja ser Vila.

«A população na Madalena, em V.N. de Gaia, cresceu ao longo das últimas duas décadas. A povoação tem conquistado novos moradores e é uma das 24 freguesias do concelho gaiense. Falta cumprir o desejo de converter-se em vila.

O aval do Executivo municipal já foi concedido em resposta à iniciativa dos vereadores do PS na Câmara de Gaia. Os socialistas pediram (e obtiveram) o apoio unânime do Município à proposta de elevação da Madalena à categoria de vila. Barbosa Ribeiro entende que essa classificação é de inteira justiça. "O título assenta perfeitamente bem nesta freguesia, que possui todas as infra-estruturas. A população também tem aumentado bastante", sublinha, ao JN, o autarca do PS. O vereador, que, no passado, esteve envolvido na elevação de outras freguesias de Gaia à categoria de vila, foi abordado pelo presidente da Junta da Madalena, tendo-lhe manifestado, então, essa ambição da freguesia gaiense.
"A classificação não tem um significado financeiro. A elevação a vila é uma questão de prestígio, de auto-estima e de valorização da povoação", considera o socialista, que assina a proposta (aprovada pela Câmara) a remeter à Assembleia da República. No documento, alerta-se para o facto da freguesia possuir quase 10 mil moradores e distar apenas seis quilómetros do centro de Gaia e da Baixa do Porto. Os socialistas destacam, ainda, o número elevado de associações e de equipamentos de apoio à população, nomeadamente crianças e idosos.
"A firme actividade agrícola, comercial e prestação de serviços na Madalena foram responsáveis pelo seu continuado desenvolvimento", lê-se, ainda, na proposta, que será analisada pela Comissão Parlamentar de Poder Local, Ambiente e Ordenamento do Território do Parlamento.»
 
in Jornal de Notícias.
 
Com mais este exemplo de “ordenamento do território”, volto ao título deste blogue, para perguntar se a câmara municipal de Vila do Conde sabe que a população de Caxinas e Poça da Barca rondará os 15.000 habitantes. Por certo o saberá, e saberá também que esta comunidade nasceu e cresceu na sua maioria com pescadores e gentes (pobres) vindas da Póvoa de Varzim. Passou a pertencer a Vila do Conde por volta de inícios do séc. XX, ao que parece num misto de confronto entre autarcas da época, pois a Póvoa de Varzim sempre quis incluír esta comunidade nas suas fronteiras administrativas.
Se hoje é polo turístico em favor de Vila do Conde, com a maior densidade populacional de todo o seu concelho, é inaceitável (e estranho) que a autarquia mantenha este território como “Lugar”.
Seria muito interessante ouvir a posição da autarquia e as razões para a sua inactividade, no que respeita à elevação das gentes que administra ao estatuto que merece.
Mais que isso, a discussão até seria em torno de uma “freguesia”, nem sequer “vila” ou “cidade”, porque se fôssemos por aí, não faltam vilas e cidades em Portugal com menos relevo e população que Caxinas e Poça da Barca.
Como “pormenor” que diz quase tudo, as gentes das Caxinas nunca foram consideradas como vilacondenses, excepto no mapa. Desde os meus tempos de escola e já mais tarde de trabalho, que ser “Caxineiro” era motivo de especiais conversas e sempre senti que a gente daquela terra era tratada como diferente dos vilacondenses, para o “inferior”. Fosse porque não sabiamos falar, porque temos um sotaque estranho, porque tinhamos mau aspecto, porque éramos grosseiros no comportamento, etc. De certa forma era uma comunidade que me dava a sensação de “meter medo” aos vilacondenses. Será que hoje a sua posição de maior relevo no concelho “mete medo” à autarquia?
Que conversa interessante esta seria. O que se pretende em tudo isto é apenas um estatuto merecido, nada mais. Nasci em Vila do Conde e tenho muito orgulho nisso, mas a verdade é que como autarquia, nunca me fez sentir verdadeiramente “vilacondense”, tendo eu crescido e vivido sempre nas Caxinas. Provavelmente o "azar" das Caxinas é que tem as mesmas tradições da Póvoa.

tags:

publicado por cachinare às 08:09
link do post | comentar | favorito

4 comentários:
De jaime pontes a 19 de Junho de 2009 às 10:00
SOU CAXINEIRO DE NASCENÇA E JULGO QUE CAXINAS TÉM MAIS QUE ARGUMENTOS PARA SAIR DA SOMBRA ,PARA MIM TUDO ATÉ AGORA QUE SE TÉM FEITO NAS CAXINAS É POSITIVO ,MAS TAMBÉM É VERDADE QUE MUITO SE DESTRUIÚ ! SE NÃO VEJAMOS ,OS HOMÉNS COM 80 ANOS DIZEM QUE NÃO SOBROU NADA PARA CONTAR AOS MAIS NOVOS ,PERGUNTANDO AOS MAIS VELHOS DIZÉM QUE ,A ESCOLA ONDE APRENDERAM JÁ NÃO EXISTE, DA PROFESSORA DONA CRISTIANA QUE QUASE TODOS CAXINEIROS HOMENS HOJE DOS 85 ATÉ OS 60 PASSARAM PELA ESCOLA COM A DONA CRISTIANA QUE POR ISSO E MAIS MEREÇIA SER HOMENAGEADA COMO DEVE SER ,QUE SE SAIBA TÉM NOME DE RUA ,MAS É POUCO PARA UMA SENHORA QUE DEU UMA VIDA PELA EDUCAÇÃO AQUI NAS CAXINAS E OS CAXINEIROS TÉEM EM MENTE O QUANTO ÉRA DIFIÇIL NESSE TEMPO ENSINAR AQUI NAS CAXINAS ,POR ISSO A ESCOLA MÃE DE CAXINAS NUNCA HAVIA DE IR ABAIXO ,O VELHO FUNTANARIO ÉRA UM EXILIBRES AQUI NAS CAXINAS E TAMBÉM DESAPAREÇEU O SALVA VIDAS QUE ÉRA UM MARCO IMPORTANTE NAS CAXINAS ,POR LÁ PASSARAM GRANDES PATRÕES COMO O PATRÃO CARAMELHO E OUTROS QUE TANTAS VIDAS SALVARAM E ÉRA UM DOS ORGULHOS DOS CAXINEIROS TAMBÉM DESAPAREÇEU ENFIM NÃO FICOU NADA PARA RECORDAR E OS MAIS NOVOS VÃO PEDINDO INFORMAÇÕES E O CAXINEIRO QUE AINDA ESTÁ CÁ VAI DESFIANDO O ROSARIO DE MEMÓRIAS DO QUE ÉRA AS CAXINAS ,PORTANTO MUITO DE POSITIVO PARA OS MAIS NOVOS E NEGATIVO PARA OS MAIS VELHOS E EU QUE SOU SAUDOSISTA DIRIA MESMO QUE NÃO FICOU NADA PARA RECORDAR ,SÓ VELHAS FOTOGRAFIAS ? UM ABRAÇO JAIME PONTES »PIÃO»


De celestino a 22 de Junho de 2009 às 21:55
Sempre pensei que Caxinas era uma freguesia. Por isso, é com surpresa e espanto que constatei pelo Blog do A. Fangueiro tratar-se apenas de um lugar de Vila do Conde.
Sou de Vila Praia de Âncora e onheci muitos caxineiros na pesca do bacalhau à linha. Depressa me dei conta da sua identidade própria, que não se confunde com Vila do Conde e, embora muito semelhante aos poveiros, os caxineiros revelavam pequeninias diferenças. A última vez que visitei as Caxinas para procurar antigos companheiros foi em Agosto do ano passado e notei um grande desenvolvimento urbano e populacional. Pela sua importância e pela sua identidade , o "lugar" não é apenas uma freguesia, é, sem favor, uma vila e das maiores. Força Caxineiros, estou solidário com todos para que alcansem a justa categoria de Vila .


De joaoroques a 23 de Junho de 2009 às 00:15
Caxinas devia defacto passar a VILA.Ela tem todos os atributos para se tornar independente.Hoje,ela,não precisa de protectores,nem de tutores.Caxinas já há muito tempo que deixou de ser criança.Já sabe caminhar por seu próprio pé.Deixem-na assumir sua liberdade e emancipação.Caxinas tem filhos inteligentes,capazes de fornecer à sua " mãe " tudo aquilo do que ela precisa e necessita.Outrora quando era criança,ninguém queria saber dela.Agora que se tornou numa linda mulher e com uns " seios " bem aprumados e cheios de leite,alguns querem mamar até se saciarem.Mas um dia isto acabará.Por isso vamos todos dizer,BASTA.Queremos a independência. Queremos ser VILA de CAXINAS.


De Anónimo a 26 de Junho de 2009 às 18:15
Aqui há anos , houve um Partido que apresentou como lema da sua Campanha Eleitoral para as autarquias, a elevação de Caxinas a Fréguesia .</a>
A exemplo daquilo que sempre acontece em Vila do Conde, porque a ideia não era sua, logo o Partido no poder instalado se opôs, que não, e mais isto, e mais aquilo, porque Caxinas deixaria de ser cidade para ser fréguesia , etc . etc .
Enfim, mais uma vez, os do regime aqui instalado, não tiveram qualquer pudor, em passar mais um Atestado de Estupidez ao Povo das Caxinas.
A título de exemplo, pergunto: Será que alguém desta Santa Terra, ignora que na visinha cidade do PORTO existem as Fréguesias .</a> da Foz, Nevogilde, Ramalde, Bonfim, Campanhã, Areosa, etc .?
E então os Bacalhoeiros, não sabem que Belém, é uma Fréguesia .</a> que faz parte integrante da cidade de LISBOA, tal como Campolide, S. Sebastião da Pedreira, Marvila, Lumiar, etc ?.
No entanto, nunca deixaram de ser DA CIDADE para serem DA FRÉGUESIA .</a> conforme a "patranha" que então les meteram...para justificar o injustificavel !
Se, de facto, aos Caxineiros tivessem algum amor,
teriam que ter mais algum pudor...
Assim sendo,
Vamos indo e vamos vendo, Levados, levados, sim.
Conforme o Povo vai querendo.
[Error: Irreparable invalid markup ('<br [...] <a>') in entry. Owner must fix manually. Raw contents below.]

Aqui há anos , houve um Partido que apresentou como lema da sua Campanha Eleitoral para as autarquias, a elevação de Caxinas a Fréguesia .</A> <BR>A exemplo daquilo que sempre acontece em Vila do Conde, porque a ideia não era sua, logo o Partido no poder instalado se opôs, que não, e mais isto, e mais aquilo, porque Caxinas deixaria de ser cidade para ser fréguesia , etc . etc . <BR>Enfim, mais uma vez, os do regime aqui instalado, não tiveram qualquer pudor, em passar mais um Atestado de Estupidez ao Povo das Caxinas. <BR>A título de exemplo, pergunto: Será que alguém desta Santa Terra, ignora que na visinha cidade do PORTO existem as Fréguesias .</A> da Foz, Nevogilde, Ramalde, Bonfim, Campanhã, Areosa, etc .? <BR>E então os Bacalhoeiros, não sabem que Belém, é uma Fréguesia .</A> que faz parte integrante da cidade de LISBOA, tal como Campolide, S. Sebastião da Pedreira, Marvila, Lumiar, etc ?. <BR>No entanto, nunca deixaram de ser DA CIDADE para serem DA FRÉGUESIA .</A> conforme a "patranha" que então les meteram...para justificar o injustificavel ! <BR>Se, de facto, aos Caxineiros tivessem algum amor, <BR>teriam que ter mais algum pudor... <BR>Assim sendo, <BR>Vamos indo e vamos vendo, Levados, levados, sim. <BR>Conforme o Povo vai querendo. <BR><BR class=incorrect name="incorrect" <a>Al</A> </A>bino <BR><BR>PS: Já inserido na estratégia eleitoral, hoje haverá uma jantarada nas Caxinas, com entradas grátis e <BR>"obrigatória" para os mestres dos barcos, senão...


Comentar post

mais sobre mim
subscrever feeds
últ. comentários
Esta bela foto retrata bem o que eram os tempos an...
Mais de um ano depois, volto aqui (ao blog), e li ...
é de facto interessante, mas .... o que caracteriz...
Conforme já referi algures, no próximo Sábado, 23 ...
Na verdade, típico é os nossos vizinhos da Póvoa ...
Belo quadro pintado ,dois botes um a vela e outro ...
Outros tempos ,diria mesmo meus tempos de rapaz ,o...
Pois ,nesse estado bem bebido até a sua sombra ele...
Ver está foto, salta-me muitas saudades de ouvir m...
Pescador da Nazaré ,homem do antigamente ,com traj...

culturmar

tags

a nova fanequeira de vila chã

ala-arriba

alan villiers

apresentação

aquele portugal

argus

arte marítima

bacalhoeiros canadianos-americanos

bacalhoeiros estrangeiros

bacalhoeiros portugueses

barcos tradicionais

caxinas

cultura costeira

diversos

fotos soltas

galiza

jornal mare - matosinhos

memórias

modelismo naval

multimédia

museus do mar

pesca portuguesa

póvoa de varzim

relatos da lancha poveira "fé em deus"

santa maria manuela

veleiros

vila do conde

todas as tags

Vídeos
links
arquivos