Sexta-feira, 11 de Fevereiro de 2011
A preto e branco.

 

Fotos dos primeiros gasoleiros são muito raras e esta é uma das poucas que conheço. Os gasoleiros foram os primeiros barcos com motor fixo instalado a bordo, na época de transição da vela para o motor, nome este característico do Norte de Portugal, mais especificamente entre Vila do Conde e Póvoa de Varzim. Na Galiza e País Basco essa transição ocorrera logo nas primeiras décadas do séc. XX, e fontes dizem que foi um pescador natural das Caxinas quem primeiro adaptou um motor a bordo na sua catraia, nos anos 50. Motores fora-de-borda já se usavam nas catraias nessa década, mas é então que surgem embarcações como a da foto, de ré cortada. Por certo os habituais comentadores saberão dizer muito mais sobre este assunto.



publicado por cachinare às 08:41
link do post | comentar | favorito

5 comentários:
De Ana Maria Lopes a 12 de Fevereiro de 2011 às 20:05
A propósito deste gasoleiro, vou enviar-lhe umas fotos de que talvez goste.
Cumprimentos.


De jaime pontes a 14 de Fevereiro de 2011 às 20:58
Aqui esta um gazoleiro ,nome bem adequado ao tempo ,barcos com motor de centro a gazoleo ,este era do comerciante Antonio do Mateus ,foi sempre arrais o Antonio couves ,mas o seu companheiro de sempre o cao que aqui se ve ,diziam que era inteligente e que quando de noite a procura de sardinha pela arda ,nome que se dava ,quando a agua fazia as suas camarinhas ,entao a sardinha ou outros peixes como o xaramaneco, ou carapau miudo e cavalinha se via pela arda, como se dizia nesses tempos em giria ,entao o cao era o primeiro a dar sinal ao arrais e que muitas vezes o rumo as Caxinas pescou sardinha porque o rafeiro como lhe chamavam ,ate falava quando via o peixe em cardume de dia e de noite ,por isso o tio Antonio tinha um carinho especial pelo seu rafeiro ,mas eis que um dia ou uma noite o seu rafeiro se atirou ao mar atras de golfinhos e nunca mais foi visto ,o tio Antonio coives como lhe chamam ainda hoje ,bem andou ate de dia a procura do seu fiel amigo ,mas nunca o encontrou ,pois nao sera preciso dizer o desgosto deste homem e sua familia ,pois que o rafeiro era conhecido e admirado por todos aqui na zona pescatoria de Caxinas ,assim quando vi a foto olhei logo o saudoso rafeiro o que mais me chamou atençao !!!


De jaime pontes a 14 de Fevereiro de 2011 às 21:03
mais uma ves peço desculpa aos erros da minha escrita nao porque quero ,mas sim porque os acentos nao entram ,por isso peço desculpa !!!


De vitor a 2 de Março de 2011 às 16:27
so para corrigir o que ta escrito em cima ...


De vitor a 2 de Março de 2011 às 16:26
o boby foi morto por uma pessoa que tinha uma deficiencia e atirou o cao ao mar com dois peneus amarrados . o meu avô ainda hoje conta essa historia....


Comentar post

mais sobre mim
subscrever feeds
últ. comentários
Conforme já referi algures, no próximo Sábado, 23 ...
Na verdade, típico é os nossos vizinhos da Póvoa ...
Belo quadro pintado ,dois botes um a vela e outro ...
Outros tempos ,diria mesmo meus tempos de rapaz ,o...
Pois ,nesse estado bem bebido até a sua sombra ele...
Ver está foto, salta-me muitas saudades de ouvir m...
Pescador da Nazaré ,homem do antigamente ,com traj...
Uma das formidáveis pinturas de Almada Negreiros, ...
sou de Nazare gostava de saber o meu estorial de 1...
....................COMEMORAÇÕES DO DIA DA MARINHA...

culturmar

tags

a nova fanequeira de vila chã

ala-arriba

alan villiers

apresentação

aquele portugal

argus

arte marítima

bacalhoeiros canadianos-americanos

bacalhoeiros estrangeiros

bacalhoeiros portugueses

barcos tradicionais

caxinas

cultura costeira

diversos

fotos soltas

galiza

jornal mare - matosinhos

memórias

modelismo naval

multimédia

museus do mar

pesca portuguesa

póvoa de varzim

relatos da lancha poveira "fé em deus"

santa maria manuela

veleiros

vila do conde

todas as tags

Vídeos
links
arquivos