Sexta-feira, 6 de Maio de 2011
Modelos de Navios de Prisioneiros de Guerra.

 

«Durante as Guerras Napoleónicas (1793-1815) entre França e a Europa, de ambas as partes de faziam prisioneiros. A maioria deles acabaria confinada, por vezes durante muitos anos, em Inglaterra e na Escócia. Durante os primeiros anos, enormes cascos de navios abatidos eram usados para servir de prisão aos miseráveis. Mais tarde, começaram a construir-se complexos em madeira para acolher cerca de 8.000 prisioneiros, como o de 1797 de Norman Cross, Peterborough, em Inglaterra. A prisão de granito em Dartmoor, iniciada em 1805, receberia os seus primeiros prisioneiros em 1809.

Estes prisioneiros passariam então, vários deles, a construir modelos de navios com os materiais que tinham disponíveis, como restos de madeira, ou osso de restos de comida. Desenvolveram assim uma forma de arte e os modelos eram depois vendidos ao público, através dos guardas das prisões. Este intercâmbio fornecia aos prisioneiros também o marfim e ferramentas diversas, de modo a que os modelos fossem o mais realistas possível.

O velame e cordame era feito com cabelo humano, de cavalo, seda ou outro qualquer material aplicável que conseguissem obter. Na maior parte, os cascos dos modelos eram esculpidos em madeira e depois revestidos com finas placas de osso ou marfim. As restantes partes do navio como os mastros e retrancas eram também em osso ou marfim.»

 

texto traduzido da página de Manfred Stein sobre o tema.

imagem - colecção do Museu Marítimo de Greenwich, Inglaterra.

 

Recentemente recebi a indicação desta nova página web pelo seu autor, Manfred Stein a qual de imediato me chamou à atenção pelo conceito raro de modelismo naval que passa a divulgar. Modelismo naval elaborado por prisioneiros de guerra, com os materiais que tinham disponíveis. Alguns navios tinham até a pregaria ou outras partes metálicas em ouro, ouro esse das alianças de casamento dos próprios prisioneiros. Hoje em dia, estes navios são altamente procurados por museus e coleccionadores, atingindo valores exorbitantes.

Abaixo fica o link para a página de Manfred Stein, onde se encontram outros links de museus e coleccionadores detentores de modelos da época.

 

Modelos de Navios de Prisioneiros de Guerra.



publicado por cachinare às 18:17
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
subscrever feeds
últ. comentários
Conforme já referi algures, no próximo Sábado, 23 ...
Na verdade, típico é os nossos vizinhos da Póvoa ...
Belo quadro pintado ,dois botes um a vela e outro ...
Outros tempos ,diria mesmo meus tempos de rapaz ,o...
Pois ,nesse estado bem bebido até a sua sombra ele...
Ver está foto, salta-me muitas saudades de ouvir m...
Pescador da Nazaré ,homem do antigamente ,com traj...
Uma das formidáveis pinturas de Almada Negreiros, ...
sou de Nazare gostava de saber o meu estorial de 1...
....................COMEMORAÇÕES DO DIA DA MARINHA...

culturmar

tags

a nova fanequeira de vila chã

ala-arriba

alan villiers

apresentação

aquele portugal

argus

arte marítima

bacalhoeiros canadianos-americanos

bacalhoeiros estrangeiros

bacalhoeiros portugueses

barcos tradicionais

caxinas

cultura costeira

diversos

fotos soltas

galiza

jornal mare - matosinhos

memórias

modelismo naval

multimédia

museus do mar

pesca portuguesa

póvoa de varzim

relatos da lancha poveira "fé em deus"

santa maria manuela

veleiros

vila do conde

todas as tags

Vídeos
links
arquivos