Segunda-feira, 11 de Julho de 2011
Passeio em Embarcação Tradicional no Rio Lima.

 

«A COREMA vai realizar, com a colaboração da Junta de Freguesia de Lanheses (Viana do Castelo), um passeio no Rio Lima, a abordo da embarcação água-arriba “Lanhezes”, no próximo dia 23 de Julho de 2011. O passeio decorrerá durante o dia, com partida do cais de Lanheses às 8:30 horas e chegada durante a tarde.

 

O trajecto será de Lanheses para montante, até Bertiandos, e de Bertiandos para jusante, até Viana do Castelo (caso a maré o permita), e regresso, pela tarde, a Lanheses.

 

Os participantes deverão levar farnel e munir-se de protector solar.

 

O barco água-arriba “Lanhezes” é uma réplica da maior embarcação tradicional do Rio Lima, utilizada, em tempos idos, para transporte de mercadorias. Esta embarcação tradicional, que é propriedade da Junta de Freguesia de Lanheses, foi inaugurada no ano passado e constitui uma intervenção de grande relevância em defesa do património etno-fluvial da ribeira Lima.       

 

A lotação máxima é de 18 pessoas e a sua inscrição será considerada por ordem de envio para o e-mail corema.album@gmail.com      

 

 

AVISO: A partida realizar-se-á, impreterivelmente, às 8:30 horas.»

 

via COREMA Associação de Defesa do Património

foto – Dr.ª Ana Maria Lopes – blogue MARINTIMIDADES.



publicado por cachinare às 07:53
link do post | comentar | favorito

1 comentário:
De Anónimo a 11 de Julho de 2011 às 11:31
Foto feita no dia de apresentação da embarcação, por
ocasião do Encontro de Embarcações Tradicionais, em
Viana do Castelo/2010.
Neste dia navegamos no Lanhezes, da Marina até à foz do Lima e vice-versa. Vivemos então momentos «épicos», na eminência de um «naufrágio»,
tal como brincava-mos na ocasião . . .
Neste Encontro, para além de proveitoso Colóquio sobre a vida das Embarcações Tradicionais, tivemos ainda o ensejo de uma tão demorada quanto profícua visita ao ex-Lugre bacalhoeiro Santa Maria Manuela, que ainda se vê nesta foto, junto do par de guindastes sitos na margem esquerda do Lima.
Aqui fica ainda, um voto de louvor ao homem da foto,
que graciosamente construiu a embarcação, para bom
nome da sua Terra e hoje continua sendo o Homem do Leme.
Parabéns, extensivos ao «Caxineiro», pela revelação
destes acontecimentos, e pelo muito que vem fazendo em prol da nossa tão depauperada Cultura Marítima.
Bem hajam.

Al bino Gomes


Comentar post

mais sobre mim
subscrever feeds
últ. comentários
Pois ,nesse estado bem bebido até a sua sombra ele...
Ver está foto, salta-me muitas saudades de ouvir m...
Pescador da Nazaré ,homem do antigamente ,com traj...
Uma das formidáveis pinturas de Almada Negreiros, ...
sou de Nazare gostava de saber o meu estorial de 1...
....................COMEMORAÇÕES DO DIA DA MARINHA...
Esta réplica do Vila do Conde, participou em vário...
Pois é exactamente tal como acima se diz.Depois de...
Boa tarde , com respeito a foto aqui presente eu j...
Salvo melhor opinião, julgo que esta imagem do gra...

culturmar

tags

a nova fanequeira de vila chã

ala-arriba

alan villiers

apresentação

aquele portugal

argus

arte marítima

bacalhoeiros canadianos-americanos

bacalhoeiros estrangeiros

bacalhoeiros portugueses

barcos tradicionais

caxinas

cultura costeira

diversos

fotos soltas

galiza

jornal mare - matosinhos

memórias

modelismo naval

multimédia

museus do mar

pesca portuguesa

póvoa de varzim

relatos da lancha poveira "fé em deus"

santa maria manuela

veleiros

vila do conde

todas as tags

Vídeos
links
arquivos