Terça-feira, 9 de Agosto de 2011
"Embarcações que Tiveram Berço na Laguna".

 

«Na próxima sexta-feira, dia 12, Senos da Fonseca estará presente na livraria Bertrand do Forum Aveiro, pelas 21 horas, para o lançamento da sua mais recente obra Embarcações que Tiveram Berço na Laguna, em edição da Papiro Editora.

 

A apresentação desta obra estará a cargo de Ana Maria Lopes (antiga Directora do Museu Marítimo de Ílhavo).

Sinopse:
Através da selecção de cinco embarcações - o mercantel, a ílhava, o moliceiro, o barco do mar e o varino - reconhecidas como das mais simbólicas saídas das mãos da mestrança naval local, intentámos estudá-las, e às suas características e técnicas de construção, em todas as suas vertentes: histórica e funcional. Através de meios documentais que nos permitem fixar uma cronologia do seu aparecimento no panorama lagunar, julgamos ter conseguido associar essas embarcações, instrumentos privilegiados da ofensiva do homem contra a natureza adversa, aos momentos capitais em que se verificaram mudanças profundas na geografia local. O livro vem acompanhado de um DVD onde se encontram os planos de construção das diferentes embarcações em 2D e 3D.»

 

Via Marintimidades / Papiro Editora

 

Tudo indica que seja um trabalho exemplar sobre as embarcações mais conhecidas da Ria de Aveiro. Estes tipos de trabalhos e estudos sobre as embarcações tradicionais portuguesas são da maior importância para que se perceba a riqueza da nossa construção naval e acima de tudo a variedade de Norte a Sul de formas, feitios e funções "dos barcos e suas gentes". Para além deste trabalho e uns poucos mais do passado... continua a faltar muito de Norte a Sul sobre os seus barcos locais, sua história e características. E não basta de todo, escrever-se só sobre os barcos mais "imponentes" ou "atractivos" das comunidades. Trata-se de uma Cultura Nacional, seja marítima, fluvial, ou lagunar, onde uma jangada de toros para apanhar sargaço é tão importante como uma Fragata do Tejo. Os dois foram criados e serviram as gentes à sua maneira.



publicado por cachinare às 10:29
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
subscrever feeds
últ. comentários
Pescador da Nazaré ,homem do antigamente ,com traj...
Uma das formidáveis pinturas de Almada Negreiros, ...
sou de Nazare gostava de saber o meu estorial de 1...
....................COMEMORAÇÕES DO DIA DA MARINHA...
Esta réplica do Vila do Conde, participou em vário...
Pois é exactamente tal como acima se diz.Depois de...
Boa tarde , com respeito a foto aqui presente eu j...
Salvo melhor opinião, julgo que esta imagem do gra...
Queria saber Quem deu o nome ao barco
Olá amigo Bino ,tens razão afinal a minha confusão...

culturmar

tags

a nova fanequeira de vila chã

ala-arriba

alan villiers

apresentação

aquele portugal

argus

arte marítima

bacalhoeiros canadianos-americanos

bacalhoeiros estrangeiros

bacalhoeiros portugueses

barcos tradicionais

caxinas

cultura costeira

diversos

fotos soltas

galiza

jornal mare - matosinhos

memórias

modelismo naval

multimédia

museus do mar

pesca portuguesa

póvoa de varzim

relatos da lancha poveira "fé em deus"

santa maria manuela

veleiros

vila do conde

todas as tags

Vídeos
links
arquivos