Quinta-feira, 25 de Agosto de 2011
Aquele Portugal.

 

Segundo a fonte, esta é uma imagem do Algarve de 1964 (aparenta ser Sesimbra...) publicada na revista LIFE, onde se pode ver o advento da motorização dos barcos já totalmente implentado, mas cujos barcos em si mantêm vários deles, as características antigas. Desde as modernas traineiras até às antigas barcas já “com casa do leme”, cá estão eles todos.

 



publicado por cachinare às 10:30
link do post | comentar | favorito

4 comentários:
De Francisco Fernandes a 25 de Agosto de 2011 às 22:06
Aquele Portugal que felizmente já acabou, não é?


De Miguel Lourenço a 17 de Outubro de 2011 às 16:17
É Sesimbra sem sombra de duvida conheço os barcos e as barcas eram uma embarcação tipica daquela vila.
A Pequena traineira azul com a lua azul era de um armador de Sesimbra a sua ultima traineira com esse simbolo foi a Nova Venturosa que pescou até 1996 em Sesimbra posteriormente foi vendida para setubal mais tarde passou por Olhão e Nazaré até ser recentemente adquirida por um armador de Peniche actualmente está em actividade e com o nome de sempre.


De Anónimo a 24 de Setembro de 2014 às 17:57
é interessante que esta traineira foi adquirida em Peniche para modernizar a frota atendendo que o Marbelo I tinha morrido o Marbelo II deu o barco do Espadarte e o Alvorada morria na reencarnação da Nova Venturosa ainda de popa de leque ..Mais tarde reconstruida numa popa de painel e que a deixou feia de ser curta "atarracada" o que não aconteceu ao seu braço direito a enviada Dois Miudos que quando reconstruida numa popa de painel ficou esbelta e de grande navegação sendo considerada a melhor transformação local..
A meia lua representando uma parte da historia naval de sesimbra na continuidade que não teve por parte da família teria hoje uma historia próxima dos cem anos e importante foi que tem honra de inicio num painel de azulejos da Camara M de Sesimbra .Mal se imaginava que a historia da meia lua ficou fotografada logo no principio....Simplesmente Existiu um dia ...
Um sesimbrense nativo de costumes que viveu historias e não as conta de secretaria conveniência ou agrado .Lamento terem suspendido o viver nativo das populações envolventes de Setubal á praia da Foz só porque na orla maritima não tinhamos colecções de hotéis que impusessem contradições ...Coelhos perdizes e raposas não têm autoridade pública os golfinhos são do sado .O parque marítimo era do estuario do Sado e prof Luis Saldanha ..E qual o espanto não tendo nada contra este senhor ;como é que consegue ter o seu nome num parque de campo de Setubal até Cacilhas(tudo é arrabida Que menos seria um reserva marítima D.Carlos I ; Oceanografo (ver espolio e registos de bordo de exploração zoo cientifica) no Aquario vasco da Gama, para não ofender a republica .. O resto algum dia será a leitura....


De luis vizinho a 24 de Setembro de 2014 às 18:17
Esta impressão correspondente a uma reportagem nunca foi do Algarve .Isto era a baia de Sesimbra nos meses de verão .e assino nos barcos de meia lua .Ainda antes da Nova venturosa o mais distante será o Alvorada o do meio o Dois Miudos e o mais próximo ainda o bela flor!? substituído pelo (Marbelo) encalhado na Arcanzil q tinha de enviada o flor bela... Lê-se que :- A Nova venturosa comprada em Peniche com popa de leque mais tarde reformada em popa de leque o que a deixou atarracada retorna a Peniche sobre registo da Nazaré quem diria que isto seriam 40 anos no meu viver!? Não é de mais deixar á lembrança e consideração pelos anos que estes barcos viveram pelo menos até ao ano de 1974 em que faleceu o chofer (não condutor mas motorista) do qual dependeram dezenas de anos de manutenção destes barcos da casa do Duque O saudoso Zé Loquinhas..


Comentar post

mais sobre mim
subscrever feeds
últ. comentários
Na verdade, tão belo quanto elucidativo este quadr...
Mas que beleza de foto ou pintura que retrata bem ...
Aproveitando a ocasião, sugiro a todos, pescadores...
Na verdade, tal como diz o Jaime Pontes, esta pose...
Claro que como demonstração tá tal e qual mas ,não...
Tal como se fosse um «filho pródigo», 7 meses depo...
é com orgulho e admiração que leio e recordo este ...
Esta bela foto retrata bem o que eram os tempos an...
Mais de um ano depois, volto aqui (ao blog), e li ...
é de facto interessante, mas .... o que caracteriz...

culturmar

tags

a nova fanequeira de vila chã

ala-arriba

alan villiers

apresentação

aquele portugal

argus

arte marítima

bacalhoeiros canadianos-americanos

bacalhoeiros estrangeiros

bacalhoeiros portugueses

barcos tradicionais

caxinas

cultura costeira

diversos

fotos soltas

galiza

jornal mare - matosinhos

memórias

modelismo naval

multimédia

museus do mar

pesca portuguesa

póvoa de varzim

relatos da lancha poveira "fé em deus"

santa maria manuela

veleiros

vila do conde

todas as tags

Vídeos
links
arquivos