Quarta-feira, 26 de Março de 2008
Caxinas dos sábios velhos.
Esta foto descobri-a há uns tempos e por pura sorte numa qualquer busca diária na internet. Estava publicada no blog antigamente1900, no entanto não a voltei a encontrar lá. A foto estava referenciada como sendo nas Caxinas e por isso guardei-a. Parece não haver dúvidas que será nas Caxinas, com o mar a partir nos rochedos e baixios ainda longe da praia e curiosamente é quase sempre deste ângulo que várias das fotos antigas das Caxinas estão tiradas. É aqui o tal “portinho” (ou “inça”, palavra ligada, na minha opinião ao “inçar” dos barcos para cima) das Caxinas onde se passava a maior azáfama diária e por tal seria o preferido dos fotógrafos. É a única foto que conheço onde se pode ver uma vela numa catraia ainda içada nalguns dos seus detalhes, tal como a embarcação que parece ser de casco trincado (de pranchas sobrepostas), o que denota quão antiga será a foto, provavelmente inícios do século XX.
Admirarei sempre estas fotos, pois nelas as gentes mostram vida e quase sempre sorrisos, num tempo em que pelos nossos parâmetros actuais, se vivia em pobreza e com vida dura (não sei bem o que isto quer dizer). Algo me diz que naqueles dias as gentes podiam passar fome e privações mas não sabiam o que era o “stress” das 1001 coisas que nos rodeiam hoje em dia. Nós com a nossa esperteza e “comodidade” moderna faz-me lembrar uma frase que muitas vezes ouvi lá por casa: “Os velhos é que sabiam-na toda!”
Dedico a foto a foto a todos os que se interessam pelas Caxinas em especial à Aurora, também Caxineira que tem toda a razão quando diz que nem todos os proprietários de barcos na nossa comunidade têm hábitos de novos ricos. Temos de tudo, como em toda a parte, mas quando falo cá na Polónia sobre a hierarquia e regras da comunidade piscatória à qual pertenço (com orgulho), custa muito às gentes de cá perceber um sistema quase feudal em que pescadores e mestres funcionam como "Senhor" e "Plebe". Os direitos e ganhos de um pescador são "ao Deus dará".
O normal na sociedade moderna são contratos de trabalho, salários, férias, 13ª e 14ª mês, subsídios de refeição, para não mencionar o resto. Bem sabemos que nas Caxinas e para quem é pescador, isto são direitos de outras gentes, não deles e até se riem com alguma mágoa escondida quando lhes mencionam estas coisas, pois "há que aceitar" as leis da pescaria local. Se o mar não der, não vem nada para casa e quando dá, nunca se sabe se vai chegar para a semana ou mês. Já da parte de quem é dono dos barcos a história é diferente... e não faltam os que esfregam opulência na cara da comunidade. Como disse, é normal e há de tudo neste mundo. Fiquemo-nos por aqui... por agora.


publicado por cachinare às 10:10
link do post | comentar | favorito

1 comentário:
De Anónimo a 28 de Março de 2008 às 20:11
Contrariamente aquilo que pensa este nosso amigo
[Error: Irreparable invalid markup ('<br [...] <a>') in entry. Owner must fix manually. Raw contents below.]

Contrariamente aquilo que pensa este nosso amigo <BR class=incorrect name="incorrect" <a>Caxineiro</A> , esta foto refere-se à praia de Vila Chã. <BR>Se eventualmente tiver oportunidade de poder observar melhor, os cascos dos barcos não são pintados, mas sim envernizados a conhecer-se a madeira. Só a borda era pintada, tradição que se manteve até cerca dos anos sessenta. <BR>O penedo que se vê ao lado direito da fotografia è <BR>bem elucidativo. Por sua vez, a foto è do consagrado fotografo vilacondense , Carlos Adriano. <BR>Cumprimentos, <BR>Albino Gomes - Vila do Conde


Comentar post

mais sobre mim
subscrever feeds
últ. comentários
Outros tempos ,diria mesmo meus tempos de rapaz ,o...
Pois ,nesse estado bem bebido até a sua sombra ele...
Ver está foto, salta-me muitas saudades de ouvir m...
Pescador da Nazaré ,homem do antigamente ,com traj...
Uma das formidáveis pinturas de Almada Negreiros, ...
sou de Nazare gostava de saber o meu estorial de 1...
....................COMEMORAÇÕES DO DIA DA MARINHA...
Esta réplica do Vila do Conde, participou em vário...
Pois é exactamente tal como acima se diz.Depois de...
Boa tarde , com respeito a foto aqui presente eu j...

culturmar

tags

a nova fanequeira de vila chã

ala-arriba

alan villiers

apresentação

aquele portugal

argus

arte marítima

bacalhoeiros canadianos-americanos

bacalhoeiros estrangeiros

bacalhoeiros portugueses

barcos tradicionais

caxinas

cultura costeira

diversos

fotos soltas

galiza

jornal mare - matosinhos

memórias

modelismo naval

multimédia

museus do mar

pesca portuguesa

póvoa de varzim

relatos da lancha poveira "fé em deus"

santa maria manuela

veleiros

vila do conde

todas as tags

Vídeos
links
arquivos