Terça-feira, 13 de Novembro de 2007
Sangue-de-boi.
Sangue-de-boi é o nome do vermelho com o qual alguns navios da pesca ao bacalhau estavam pintados, nomeadamente os pertencentes à Parceria Geral de Pescarias, antes de por alturas de 1943 passar toda a frota nacional a ser pintada de branco, independentemente do armador, pois o decorrer da 2ª Guerra e Salazar assim o determinaram. Não convinha nada que os alemães continuassem a torpedear os nossos “simples” navios de pesca quando apenas iam em busca do seu pão e nada tinham que ver com a guerra. Tal sucedia porque “se distinguiam mal” no horizonte devido às suas cores escuras e pintar de branco, com uma grande bandeira nacional e nome a letras grandes foi a solução. No entanto, apesar de existirem várias fotos de navios da Parceria anteriores à “fase branca”, essas fotos são todas a preto-e-branco e como tal sempre me pús a imaginar como seria ver estes lugres de côr vermelho sangue-de-boi no horizonte, para além de outros armadores que os pintavam por exemplo de verde ou azul, como já li algures. Sendo que tal fotografia a cores por certo não existirá decidi eu mesmo trabalhar digitalmente o Creoula e passá-lo do tão conhecido branco (qual cisne) ao sangue-de-boi original de 1937. Não é uma obra de arte mas dá para ter uma ideia de como seria.
Curioso de reparar, é o “pequeno erro” descrito no blog lmc-creoula.blogspot.com sobre uma excelente réplica do navio existente no Museu de Marinha onde se pode “(...) apreciar o magífico modelo do lugre CREOULA na sua forma original com casco "sangue de boi", como foi construído em 1937”. Se após entrarem no link do blog, verificarem a foto, o casco é côr sangue-de-boi mas na parte que fica submersa e o resto visível é preto. Ora na minha opinião o navio está pintado “de preto”. Após mais alguma investigação, comprovo na edição da Revista da Armada de Maio 2007 que efectivamente todo o casco era em sangue-de-boi e tal é confirmado pelo seu antigo capitão, o Sr. Marques da Silva. As fotos a preto-e-branco são na verdade bastante enganadoras, pois até parece realmente que o Creoula era preto... mas o sr. Capitão confirmou como era na altura.
 
Fica agora a minha pergunta no ar; como vai ser pintado o casco do Santa Maria Manuela... ? Se a recuperação do lugre vai ser “fiel” a 1937 (tirando uns radares e várias outras tecnologias e confortos modernos), então será pintado a sangue-de-boi. Fico é a pensar qual seria o impacto no público, pois o branco do Creoula está tão enraizado no povo e é tão marcante da sua imagem (cá dentro e lá fora) que ver o seu irmão gémeo de vermelho poderia não agradar a muita gente. A minha opinião divide-se. Por um lado o branco é a imagem mais demarcada nacional e internacionalmente sobre a pesca bacalhoeira portuguesa do passado, a famosa Frota Branca e ver os dois navios gémeos lado a lado (ideal seria ter o terceiro, o Argus...) de branco, certamente causaria deslumbre e admiração geral contínua, indispensável a que se mantenham nas mentes das pessoas e instituições. Mas por outro lado, gostaria de ver o SMM tal como era quando nasceu e desse modo teria a sua imagem própria, pois se for pintado também de branco provavelmente a maioria ao vê-lo a navegar não saberá se é o Creoula ou o SMM. É importante que o SMM, sendo gémeo do Creoula, se demarque dele com a sua imagem própria, pois embora venha a ter funções (excepto militares) algo semelhantes, a sua história, conceito sobre o qual foi decidido recuperá-lo e mesmo a base onde irá morar, no Norte do país implicam diferenças e todo o projecto deve incorporá-las. Será certamente mais um “pormenor” a discutir por quem tem o projecto nas mãos. Uma terceira opção é que já não concordo. Ou sangue-de-boi, ou branco.


publicado por cachinare às 14:11
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
subscrever feeds
últ. comentários
Esta bela foto retrata bem o que eram os tempos an...
Mais de um ano depois, volto aqui (ao blog), e li ...
é de facto interessante, mas .... o que caracteriz...
Conforme já referi algures, no próximo Sábado, 23 ...
Na verdade, típico é os nossos vizinhos da Póvoa ...
Belo quadro pintado ,dois botes um a vela e outro ...
Outros tempos ,diria mesmo meus tempos de rapaz ,o...
Pois ,nesse estado bem bebido até a sua sombra ele...
Ver está foto, salta-me muitas saudades de ouvir m...
Pescador da Nazaré ,homem do antigamente ,com traj...

culturmar

tags

a nova fanequeira de vila chã

ala-arriba

alan villiers

apresentação

aquele portugal

argus

arte marítima

bacalhoeiros canadianos-americanos

bacalhoeiros estrangeiros

bacalhoeiros portugueses

barcos tradicionais

caxinas

cultura costeira

diversos

fotos soltas

galiza

jornal mare - matosinhos

memórias

modelismo naval

multimédia

museus do mar

pesca portuguesa

póvoa de varzim

relatos da lancha poveira "fé em deus"

santa maria manuela

veleiros

vila do conde

todas as tags

Vídeos
links
arquivos