Quinta-feira, 22 de Novembro de 2007
Caxinas de antigamente 1/3.
Este “Lugar das Caxinas” que nem direito a ser freguesia tem, é apenas a maior comunidade piscatória do Norte de Portugal, no entanto os muitos turistas que a visitam hoje em dia, pouca ideia fazem do que era antigamente, pois a traça das “caícas” na praia e as dunas já não estão lá. O que está é muito preto (alcatrão) e linhas sem curvas ou enfeites, vulgo “arquitectura moderna”. Mas como gosto de escrever sobre o antigo, cá ficam algumas fotos de caxineiros antigos, uma delas com a praia inundada de caícas (autênticas cascas de noz) e a maré bem baza. Ali naquelas pedras não faltava rico mexilhão e navalheiras. As duas fotos de cima mostram alguns caxineiros que atravessavam o Atlântico em busca do bacalhau. A sua importância para a comunidade era tal que tinham direito a foto de grupo, homens de todas as idades, verdes e mestres, geração após geração continuando imensos caxineiros na Faina Maior. Veem-se também homens a bordo de um lugre, o qual me é impossível identificar, no entanto penso que estas fotos reportarão aos anos 20 ou 30. Por fim a foto dum bota-abaixo, o orgulhoso Tulipa Negra, com um dos possíveis mestres mortinho por meter as redes ao mar.


publicado por cachinare às 09:18
link do post | comentar | favorito

1 comentário:
De jaime pontes a 9 de Maio de 2009 às 23:08
Éis aqui uma boa representação nas duas primeiras fotos de pescadores bacalhoeiros ,a primeira dos nossos bisavós e a segunda dos nossos Avós .
Ainda se encontra entre nós um Sre que conta uma estória ,éram três os representantes das Caxinas que pediram uma audiençia para falar com o então Presidente da Camara de Vila do Conde a 50 anos atrás mais ou menos e quando chegou a altura lá foram e como chegaram mais cedo do que o previsto,ao entrarem ouviram o Sre Presidente falar a um funcionario o seguinte , tragam três cadeiras que os indios devem estár a chegar ,claro que os nossos representantes na altura já não entraram e ficaram muito insatisfeitos ,desses Sres só está um entre nós felismente ,más a estória não acaba aqui porque passados uns dias o Sre Presidente quis saber porque os pescadores não apareçeram a tál reunião e a resposta foi que os Caxineiros não são indios e por isso o Sre Presidente não mereçe a nossa consideração !!! Isto passou-se ,portanto ,não me admiro que os então pescadores bacalhoeiros não fossem considerados ném respeitados como devia ,espéro e tenho confiança no actual Presidente só tenho pena que não haja ninguém nas proximidades do nosso Autarca que fassa lembrar que os pescadores bacalhoeiros de ontém e de hoje mereçem ser lembrados e homenageados ,sem mais um abraço Fangueiro ...Jaime Pião


Comentar post

mais sobre mim
subscrever feeds
últ. comentários
Na verdade, tão belo quanto elucidativo este quadr...
Mas que beleza de foto ou pintura que retrata bem ...
Aproveitando a ocasião, sugiro a todos, pescadores...
Na verdade, tal como diz o Jaime Pontes, esta pose...
Claro que como demonstração tá tal e qual mas ,não...
Tal como se fosse um «filho pródigo», 7 meses depo...
é com orgulho e admiração que leio e recordo este ...
Esta bela foto retrata bem o que eram os tempos an...
Mais de um ano depois, volto aqui (ao blog), e li ...
é de facto interessante, mas .... o que caracteriz...

culturmar

tags

a nova fanequeira de vila chã

ala-arriba

alan villiers

apresentação

aquele portugal

argus

arte marítima

bacalhoeiros canadianos-americanos

bacalhoeiros estrangeiros

bacalhoeiros portugueses

barcos tradicionais

caxinas

cultura costeira

diversos

fotos soltas

galiza

jornal mare - matosinhos

memórias

modelismo naval

multimédia

museus do mar

pesca portuguesa

póvoa de varzim

relatos da lancha poveira "fé em deus"

santa maria manuela

veleiros

vila do conde

todas as tags

Vídeos
links
arquivos