Quinta-feira, 1 de Setembro de 2016
Comemorações dos 25 anos da Lancha Poveira "Fé em Deus".

25 anos lancha_cartaz_net

2º SEMINÁRIO “MAR, EDUCAÇÃO E PATRIMÓNIO”

Biblioteca Municipal Rocha Peixoto, 30 de Setembro de 2016, entre as 14h00 e as 17h30

«Este seminário, que está integrado nas comemorações dos 25 anos da Lancha Poveira Fé em Deus, visa partilhar conhecimentos e experiências de bibliotecas, arquivos, museus e escolas e centros de investigação sobre património marítimo e cultura do mar.

Os temas desta edição são a memória, as literacias, a conservação e o acesso à informação na era digital, bem como o papel das escolas na formação de competências ligadas à preservação do património marítimo. Contaremos com os contributos de José Bastos Saldanha (Sociedade de Geografia de Lisboa), Manuela Barreto Nunes (Universidade Portucalense), Luís Martins (IELT/Universidade Nova de Lisboa), Fátima Claudino (Escolas Associadas da UNESCO), Ivone Magalhães (Museu de Esposende e Rede Nacional da Cultura dos Mares e dos Rios), Luísa Salgado (Professora), Ana Simão (Profª Bibliotecária/Escola E.B. 2-3 Dr. Flávio Gonçalves), Albina Maia (Profª Bibliotecária/Escola Secundária Rocha Peixoto) e Manuel Costa (Biblioteca Municipal Rocha Peixoto e projecto da Lancha Poveira).

Para aceder ao programa/lista dos oradores e registar a sua inscrição gratuita, consulte a página da Biblioteca Municipal Rocha Peixoto

Manuel Costa

cartaz seminario lancha_net final (1)

cartaz expo mestre agonia_net (1)



publicado por cachinare às 21:09
link do post | comentar | favorito

2 comentários:
De al bino Gomes a 7 de Outubro de 2016 às 18:54
Honra e Glória à memória do grande poveiro Manuel Lopes, heróico promotor desta réplica da Lancha do Alto, que tanto enche de orgulho as gentes poveiras.
Tal como recentemente publicou A Voz da Póvoa, em fotografia de primeira página, há 25 anos eu também lá estive na cerimónia do lançamento com Fé em Deus.
Como morador junto dos estaleiros navais de Vila do Conde, também assisti às várias fases da construção de todo o cavername, quilha, roda de proa, cadaste, etc. saídos das mãos dos carpinteiros de Postiga & Feteira, e que mais tarde, sempre sobre a atenção e supervisão do amigo Manuel Lopes, a montariam ali na enseada, bem junto ao castelo da Póvoa.
Desse pequeno/grande homem, aqui registo um desabafo :
-«Quem me dera ter metade do património marítimo dos vileiros!
Vós, tendes pescadores, marinheiros, capitães, estaleiros, rio e mar.
Nós, apenas pescadores e mar».



De jaime pião a 20 de Outubro de 2016 às 23:16
Amigo Albino porque não dizer que ,alguns mais como tu ,Vila do Conde era mais rio e mar ,porque se antigamente já era hoje era mais ,sempre gostei de ler muito das tuas escritas ,até parece que sempre andas-te nas águas do mar ,sei que adoras todos os eventos sobre o mar e Vila do Conde ,por isso os meus parabéns ,um abraço !!!


Comentar post

mais sobre mim
subscrever feeds
últ. comentários
Tal como se fosse um «filho pródigo», 7 meses depo...
é com orgulho e admiração que leio e recordo este ...
Esta bela foto retrata bem o que eram os tempos an...
Mais de um ano depois, volto aqui (ao blog), e li ...
é de facto interessante, mas .... o que caracteriz...
Conforme já referi algures, no próximo Sábado, 23 ...
Na verdade, típico é os nossos vizinhos da Póvoa ...
Belo quadro pintado ,dois botes um a vela e outro ...
Outros tempos ,diria mesmo meus tempos de rapaz ,o...
Pois ,nesse estado bem bebido até a sua sombra ele...

culturmar

tags

a nova fanequeira de vila chã

ala-arriba

alan villiers

apresentação

aquele portugal

argus

arte marítima

bacalhoeiros canadianos-americanos

bacalhoeiros estrangeiros

bacalhoeiros portugueses

barcos tradicionais

caxinas

cultura costeira

diversos

fotos soltas

galiza

jornal mare - matosinhos

memórias

modelismo naval

multimédia

museus do mar

pesca portuguesa

póvoa de varzim

relatos da lancha poveira "fé em deus"

santa maria manuela

veleiros

vila do conde

todas as tags

Vídeos
links
arquivos