Sábado, 13 de Outubro de 2018
A preto e branco.

pvz APastor 1953 0006_M

Belíssima imagem da autoria de Artur Pastor, na praia do peixe poveira em 1953. Por detrás dos velhos pescadores locais, é possível admirar o seu principal instrumento de trabalho e vida, as inúmeras catraias e batéis de cores, simbologia e invocações tão variadas.



publicado por cachinare às 20:57
link do post | comentar | favorito

6 comentários:
De Albino Gomes a 16 de Outubro de 2018 às 17:58
Parabéns ao A. Fangueiro por nos trazer à liça mais esta magnífica fotografia do grande fotógrafo Artur Pastor, homem que na arte de fotografar era um grande Senhor, tal como se pode constatar nos temas e luminosidade das suas belas fotografias
Em tão realística foto que mais admirar?
A arte dos nossos carpinteiros navais, bem patente nestas magníficas embarcações, em flagrante contraste com aquilo que hoje vemos nos nossos portos, as quais por vezes mais nos parece estarmos perante caixotes, ou caixões flutuantes.
Os salazarentos sinais de pobreza, bem patentes nos rostos, no vestir e no calçar destes pobres pescadores?


De Jaime Pião a 18 de Outubro de 2018 às 20:42
Boa tarde ou boa noite ,cumprimentos a todos que passem aqui neste blogs ,quero ainda em boa verdade homenagear esta bela foto que a mim me diz muito ,pois tive o prazer de andar ao mar em barcos tal e qual ,desde as catraias aos bateis ,portanto meu Pai foi dono de uns seis barcos desde a catraia maior até o mais pequeno da pesca aos paxões e fanecas a linha de mão que na altura se pescava muitas dúzias ,era uma fartura ,mas tudo o vento levou ,...Aqui nas Caxinas ainda sou do tempo do carpinteiro Sr Abel construir bons barcos para a pesca artesanal local e costeira ,também para dizer que chegamos a ter na praia dos barcos mais de centena e meia de barcos ,anos 30~40 até os anos 70 .por isso foram tempos duros ,mas eram os tempos que eram ,adoro ver ainda destas fotos para recordar e viver ,obrigado ao amigo António por estas belas fotos ,cumprimentos amigos !!!!


De Al bino Gomes a 19 de Outubro de 2018 às 19:44
Pena é que aí no lugar de Caxinas e Poça da Barca não haja uma colecção de Homens do tipo Jaime «Pião».
Se de facto houvesse uma pequena Selecção, então Caxinas era Campeão. Um abraço.


De Jaime Pião a 20 de Outubro de 2018 às 11:15
Bom dia meu amigo Albino e a todos os que por aqui navegam ,no seguimento dos cumprimentos recebe um abraço amigo ,sempre em consideração ,até sempre amigo Albino !!!


De Anónimo a 11 de Dezembro de 2018 às 12:43
Jaime, preciso falar consigo sobre as idas à Terra Nova, contacte-me: 91039711

Ajudava-me muito, se me contactasse.

Obrigada;

Maria B.


De Anónimo a 11 de Dezembro de 2018 às 12:44
910397171

email: mimanb1988@gmail.com

Estou a escrever um livro sobre a Vida de Madalena Reis e Luis Vasconcelos.


Comentar post

mais sobre mim
subscrever feeds
últ. comentários
910397171email: mimanb1988@gmail.comEstou a escrev...
Jaime, preciso falar consigo sobre as idas à Terra...
Espectacular mesmo!
Bom dia meu amigo Albino e a todos os que por aqui...
Pena é que aí no lugar de Caxinas e Poça da Barca ...
Boa tarde ou boa noite ,cumprimentos a todos que p...
Parabéns ao A. Fangueiro por nos trazer à liça mai...
Gostei e gosto muito de fotos reais como esta e ou...
Caro AmigoSó hoje tive oportunidade de ler sobre "...
Em relação à acima referida «tipologia poveira», ...

culturmar

tags

a nova fanequeira de vila chã

ala-arriba

alan villiers

apresentação

aquele portugal

argus

arte marítima

bacalhoeiros canadianos-americanos

bacalhoeiros estrangeiros

bacalhoeiros portugueses

barcos tradicionais

caxinas

cultura costeira

diversos

fotos soltas

galiza

jornal mare - matosinhos

memórias

modelismo naval

multimédia

museus do mar

pesca portuguesa

póvoa de varzim

relatos da lancha poveira "fé em deus"

santa maria manuela

veleiros

vila do conde

todas as tags

Vídeos
links
arquivos